APÓS SER LEGALIZADO NO URUGUAI, MORTE DE MULHERES CAI A ZERO POR ABORTO



Seis meses após a legalização o Uruguai não registrou nenhuma morte por causa de aborto. E durante esse período foram realizados 2.250 abortos dentro da legalidade. Depois das medidas o Uruguai tem se tornado entre os países, um dos que tem a menor taxa de aborto. Parece até contraditório.

Estou postando este artigo, não porque eu seja a favor ou contra a legalização do aborto no Brasil. Mas talvez tenha que se pensar, o que deverá ser feito em nosso país para que as muitas mortes de mulheres que aqui ocorrem sejam evitadas de alguma forma. Que campanhas devem ser feitas.


Mulheres fazendo campanha pela 
legalização do aborto em frente ao
congresso do país pela aprovação
do projeto final ano passado.
Leonel Briozzo, subsecretário do Ministério da Saúde Pública do Uruguai, apresentou os dados oficiais e demonstrou que entre dezembro de 2012 e maio de 2013 nenhuma morte de mulheres ocorreu. Essa situação se dá também porque após a legalização começou no país uma maior consolidação nos serviços de saúde. Ele afirmou que o maior objetivo do governo e que cada vez mais diminua os abortos no país.





Postar um comentário

Regras dos comentários:
-Todos os comentários serão moderados
- Não xingue, não ofenda
- Pode deixar seu endereço de site ou blog, mas não o link do mesmo, obrigado.